Como lidar com a alga de piscina de forma segura

Como lidar com a alga de piscina de forma segura

Quem tem uma piscina em casa provavelmente já passou por problemas causados por algas. Apesar de não ser nociva à saúde dos homens, as algas são responsáveis pela proliferação de muitas bactérias e vírus que, esses sim, podem prejudicar a saúde das pessoas. Além disso, uma piscina cheia de algas fica com aspecto sujo e nada convidativo ao mergulho.

Antigamente, a única forma de manter a água da piscina limpa e livre dessa praga era fazendo uso de produtos químicos agressivos, como o cloro. Apesar de resolver o problema, o tratamento químico da água também pode causar algumas consequências negativas às pessoas, como pele seca e irritação nos olhos.

Com o passar dos anos e o avanço da ciência, os métodos para tratar a água das piscinas também avançou e atualmente é possível manter a água limpa, saudável e totalmente segura, sem oferecer qualquer risco à saúde dos banhistas e sem fazer o uso de produtos químicos frequente. O tratamento feito por íons de cobre e prata é eficiente no combate a vírus e bactérias e, inclusive, acaba com as algas de forma totalmente segura.

Como as algas se proliferam e como prevenir?

As algas começam a se proliferar nas piscinas por diversos motivos, como chuvas e ventos, que podem levar grama, plantas e outros sujeiras para dentro da água, a queda de fertilizantes de adubação na grama e, claro, a falta de manutenção e tratamentos adequados. Ao menor sinal da presença dessa praga é necessário tomar atitudes para tratamento, pois as algas se multiplicam muito rapidamente, dobrando de quantidade a cada 3 horas, sendo que as bactérias multiplicam-se a cada 15 minutos.

A forma mais eficaz de prevenir é cuidando diariamente da água da piscina. É preciso escovar os azulejos, aspirar, retirar as sujeiras com peneira, além da filtração adequada e da utilização de produtos para tratamento. No inverno, uma boa alternativa, é a utilização de capas para cobrir a piscina e evitar que caiam sujeiras e ocorra a proliferação das águas. Ainda assim, mesmo nos dias frios, é preciso cuidar da piscina para evitar a contaminação de pragas, vírus e bactérias.

O Ionizador Pure Water é conhecido pela eficácia em manter a água da piscina saudável e cristalina, em qualquer época do ano, sem ser necessária a utilização de produtos químicos agressivos. Por meio da liberação automática de íons de cobre e prata, sua piscina ficará protegida contra as algas, já que o cobre é extremante ativo no controle de algas e bactérias, enquanto a prata acaba com os fungos, bactérias e vírus.

 

Como tratar uma piscina com algas?

Tratar uma piscina com alga e já com aquele aspecto esverdeado nem sempre é uma tarefa fácil. Em casos mais graves é preciso, inclusive, esvaziar a piscina por completo, jogando fora toda a água contaminada. Nos casos em que ainda é possível tratar, o dono precisará contar com o auxílio de bons algicidas e aplicar na água conforme as instruções do fabricante.

Também será necessária a utilização de Floculante para a decantação, além de realizar a limpeza manual aspirando a sujeira no fundo da piscina e fazendo a água recircular, colocando a bomba e o sistema de filtração para funcionar. Por fim, é necessário a utilização de produtos, como o cloro, para matar as bactérias e tornar a água novamente utilizável.

Lembre-se, portanto, que o mais recomendável é a manutenção constante da água, para evitar esse tipo de problema. Se você tem uma piscina em casa e nenhum ou pouco tempo para dedicar aos cuidados manuais da água, precisa conhecer melhor o Ionizador Pure Water. Com ele boa parte dos cuidados manuais são dispensados, já que ele funciona automaticamente, liberando íons de cobre e prata diariamente, conforme a programação.

Entre em contato com a gente agora mesmo e descubra como manter a água da sua piscina sempre limpa e saudável, de forma automática e gastando pouco.

Leave a Reply

Your email address will not be published.