O Cloro pode ser absorvido na pele.

“Estudos indicam a suspeita de que os produtos químicos podem ser inalados ou absorvidos através da pele durante as duchas e banhos de imersão.”
“Ironicamente até o cloro usado amplamente para tratar a água, tem efeitos cancerígenos. Apesar de 7 em cada 10 Americanos beber água tratada com cloro, não há a certeza de que este seja um processo seguro a longo prazo.”
“Beber água tratada com cloro pode duplicar o risco de câncer da bexiga que atinge cerca de 40.000 pessoas por ano só nos EUA.”
U.S.NEWS & WORLD REPORT – July 29, 1991 – Is your water safe ? / The Dangerous state of your Water

“Studies indicate the suspect chemicals can also be inhaled and absorbed through the skin during showering and bathing.”
“Ironically, even the chlorine widely used to disinfect water procedures carcinogenic traces.”
“Though 7 out of 10 Americans drink chlorinated water, its safety over the long term is uncertain.”
“Drinking chlorinated water may as much as double the risk of the bladder cancer, which strikes 40,000 people a year.”
U.S. News & World Report July 29, 1991 – Is Your Water Safe – The Dangerous State of Your Water

“Certos produtos orgânicos voláteis podem libertar-se da água que utilizamos ao tomarmos ducha ou banho de imersão. A exposição a estes produtos por inalação pode ser tão intensa como a que resulta de se beber 2 litros de água por dia. As pessoas que tomam banho freqüentemente ficam, assim, expostas através da ingestão, inalação e absorção através da pele.”
CONSUMMER REPORTS BOOKS – Is your water safe to drink?

“Volatile organics can evaporate from water in a shower or bath. Conservative calculations indicate that inhalation exposures can be as significant as exposure from drinking the water, that is, one can be exposed to just as much by inhalation during a shower as be drinking 2 liters of water a day. People who shower frequently could be exposed through ingestion, inhalation and/or dermal absorption.”
CONSUMMER REPORTS BOOKS – Is your water safe to drink?

“O cloro, tal como o bromo, controla o crescimento de bactérias e algas na água das piscinas ou SPA’s. Mas o cloro também reage com partículas orgânicas libertadas pelos banhistas, como o suor ou os bronzeadores/protetores solares, criando uma forma composta de cloro, as cloraminas. Estas, ao contrário do cloro, são muito pouco eficazes na desinfecção da água, não conseguindo controlar a formação de bactérias ou algas. Pior ainda, as cloraminas são agentes contaminantes. A presença de elevados níveis de cloraminas em piscinas ou SPA’s provoca um forte odor de cloro, irritação dos olhos e a destruição do revestimento ou rejunte da piscina.”
POOL & SPA NEWS – January, 23, 1989